Dia Nacional do Violeiro: Senador Pompeu recebe primeira Mostra de Viola e Repente

“A Mostra, reúne artistas senadorenses para cantar a música caipira interiorana cearense, tendo como referência os artistas nordestinos Patativa do Assaré, a música de Luiz Gonzaga, a literatura de Ariano Suassuna”

Em homenagem ao Dia Nacional do Violeiro, comemorado dia 18 de maio, a Fundação Santa Terezinha realiza a primeira Mostra de Viola e Repente de Senador Pompeu, nos dias 17 e 18 de maio, com programação gratuita. Será o encontro dos sons, ritmos, cheiros e sabores da cultura interiorana nordestina.

CLICK AQUI PARA SEGUIR O CANAL FOLHA DO VALE NO WHATSAPP

Com intuito de homenagear violeiros e repentistas cearenses, a Mostra reúne artistas senadorenses para cantar a música caipira interiorana, aquela feita no pé da calçada com a viola e uns versos de Repente trocados entre a meninada e os parentes que se achegam pra ouvir a cantoria. Numa referência aos poetas e artistas nordestinos, Patativa do Assaré, Luiz Gonzaga e suas músicas que encantam o Nordeste, a literatura de Ariano Suassuna e tantos outros.

A programação é composta por oficinas, roda de conversa e apresentações culturais de diversos artistas locais: violeiros, repentistas, poetas, cantadores, cordelistas e artesãos. A roda de conversa acontece nas escolas públicas EEF Geraldo Gonçalves do Nascimento Júnior e EEF Moreira Campos, onde o Mestre Inácio Bartolomeu Rabelo de Farias (Nacilon Henrique – foto), cantador de Viola/Repentista, conta aos alunos suas experiências e causos na arte de fazer versos de repente. As oficinas de biscuit e peso de porta, acontecem na Associação Comunitária do Bairro Caracará – ACBC, serão ministradas pelas Mestras da Cultura Municipal Francy de Moraes e Ana Ecilde, respectivamente.

As apresentações culturais ficam por conta dos cantadores de violas e repentistas senadorenses: Antônio Coité, Edvan Pedro, Francisco das Chagas, Leandro Pedro e o Mestre Nacilon Henrique, que se apresentam para o público na Praça Marcondes Borges Pereira. Além disso, será realizada uma Feira de Economia Criativa na Praça com a presença das Mestras da Cultura Tradicional Popular de Senador Pompeu, Ana Ecilde Alves Pinheiro (Artesanato em Crochê/Bonecas de Pano), e a Mestra Francisca Francy de Moraes (Artesanato em Biscuit), além de outros artesãos

 

Confira a programação completa
Dia 17 (sexta-feira)
  • RODA DE CONVERSA: MINHA VIOLA, MINHA VIDA
  • 9h – EEF Geraldo Gonçalves do Nascimento Júnior
  • Facilitador: Mestre Nacilon Henrique
  • 14h – EEF Moreira Campos
  • Facilitador: Mestre Nacilon Henrique
  • OFICINA DE BISCUIT
  • 14h – Associação Comunitária do Bairro Caracará (Rua Antônio Soares, 243)
  • Facilitadora: Mestra Francy de Moraes
  • Inscrições: Fundação Santa Terezinha e GoogleForms
  • OFICINA DE PESO DE PORTA
  • 18h – Associação Comunitária do Bairro Caracará (Rua Antônio Soares, 243)
  • Facilitadora: Mestra Ana Ecilde
  • Inscrições: Fundação Santa Terezinha e GoogleForms
DIA 18 (sábado)
  • 18h – Feira de Economia Criativa
  • 20h – Abertura
  • 20h10 – Apresentação de Antônio Coité e Edvan Pedro
  • 20h40 – Apresentação de Francisco das Chagas e Mestre Nacilon Henrique
  • 21h10 – Show de Canções: Francisco das Chagas e Leandro Pedro
  • Local: Praça Marcone Borges Pereira

 

SIGA-NOS NO INSTRAGRAM E FIQUE POR DENTRO DAS ÚLTIMAS NOTICIAS

 

 

Por: Lumiá Comunicação - Assessoria de imprensa

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *