Alimentação desbalanceada e hábitos inadequados podem sobrecarregar o fígado

O fígado é um órgão muito importante para o corpo humano. Isso porque ele atua na metabolização de nutrientes, na desintoxicação do organismo e na produção de substâncias essenciais para a saúde. Mas a má alimentação ou exposição a toxinas pode gerar danos ao órgão, como explica o médico cardiologista Dr. Roberto Yano.

Existem alguns hábitos que podem afetar bastante a função do fígado. A má alimentação, com ingestão excessiva de gorduras, açúcares e alimentos processados, aliada à exposição a toxinas como álcool, drogas ou produtos químicos, pode ocasionar danos ao órgão, afetando metabolismo e filtragem de toxinas podendo gerar, por exemplo, uma hepatite”, alerta o médico.

 Segundo o Yano, quando se trata de “limpar o fígado”, o que ocorre é um processo de desintoxicação. O fígado realiza esse processo de forma natural, mas é possível torná-lo mais eficaz.

O fígado realiza a desintoxicação de forma natural, mas é possível estimular esse processo para torná-lo mais eficaz, pois, por exemplo, quando a intoxicação do órgão ocorre de forma recorrente são necessários mais cuidados para realizar esse processo. No entanto, esse não deve ser um cuidado apenas ocasional, mas recorrente”, destaca.

Pensando nisso, o especialista indica opções de alimentares que contribuem para a limpeza do fígado. Confira:

 

  • Vegetais crucíferos

Vegetais como o brócolis, rabanete, couve-flor e nabo possuem compostos fitoquímicos que têm propriedades antioxidantes e antiinflamatórias. Eles ajudam a ativar as enzimas do fígado e com seus nutrientes gerais, como vitaminas, minerais e fibras, contribuem com a eliminação de toxinas”, afirma Dr. Roberto Yano.

  • Beterraba

Ela é rica em antioxidantes como os flavonoides, que contribuem para neutralizar os radicais livres. Além disso, ela possui betaína, um composto que auxilia no processo de desintoxicação hepática”, destaca.

  • Alho

Esse é um excelente antioxidante e anti-inflamatório natural, também é associado à desintoxicação devido a compostos, como a alicina, que contribui para estimular enzimas hepáticas que auxiliam no processo de ‘limpeza do fígado”, diz o especialista.

 

  • Gengibre

Um superalimento que também possui propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes, estimula a circulação sanguínea, ajuda no sistema digestivo e possui compostos que podem proteger o fígado e auxiliar no processo de desintoxicação”, afirma o médico.

 

  • Limão

O limão é conhecido por seus benefícios desintoxicantes pela sua alta concentração de vitamina C e antioxidantes, que ajudam a neutralizar radicais livres, melhorando a saúde das células, além de estimular a produção de enzimas do fígado”, explica Dr. Roberto Yano.

Siga-nos no INSTAGRAM


Fonte: Saúde em dia

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *